E neste novo episódio, o tema é: “Opinião ou Informação?”. Recentemente, o filme “Como se tornar o pior aluno da escola”, baseado no livro homônimo do apresentador e comediante Danilo Gentili estreou nos cinemas.


Longe de ser uma obra-prima do cinema, o filme coletou polêmicas em torno de si por ao tratar de temas sensíveis como pedofilia, homossexualismo e bullying com escárnio e desdém.


Ao mesmo tempo, um jornalista da Folha de São Paulo perdeu seu emprego justamente após uma reportagem sobre o filme em questão. Quase que imediatamente, diversos veículos atribuíram a demissão do jornalista à influência do comediante que expôs por meio de suas redes sociais a forma inepta como o jornalista conduziu sua entrevista.


Longe de defender qualquer um dos lados, a questão do nosso papo recai sobre o papel da imprensa que pode ser informativo ou formativo (ou então de opinião). O jornalista errou em usar de parcialidade ao abordar o tema quando a reportagem deveria ter adotado um viés tão somente informativo?


É errado um jornalista ter opinião e emitir sua opinião em suas publicações?


E além disso, uma lembrança pelo dia do podcast em 21/10. Aproveitei o programa para apresentar minhas sugestões de bons podcasts para você.


Temos ainda uma última incursão sobre o fim do Podástico.


Vida que segue…


Serviço


Episódio 003 – Opinião ou informação?
Publicado originalmente em 27/10/2017
Apresentação: Ricardo Marques


Links mencionados neste episódio:



As músicas utilizadas neste episódio: